Últimas Notícias

Seis estratégias para aliviar a ansiedade em tempos de crise

Em meio à inquietaçãoem relação ao futuro, todos os pensamentos negativos devido a crise em meio a pandemia, mais as dificuldades pessoais e todo o estresse da vida, é fácil que as preocupações se tornem insuportáveis, causando grande ansiedade.

A ansiedade é uma reação que todas as pessoas experimentam diante de algumas situações. Alguns vivenciam esta reação de forma mais frequente e intensa, do que outros. Mas, de alguma forma a ansiedade estará presente cada vez mais em nossas vidas.

Para interromper este ciclo de preocupação excessiva, possuímos algumas sugestões que poderão ajudar você a diminuir a sensação de ansiedade.

Pare de ver tanta notícia

As vezes se desligar um pouco de notícias é bom. Você não precisa ficar sabendo de tudo que está acontecendo. Notícias no geral tendem ao sensacionalismo e até mesmo induz ao pânico. Se preserve. Concentre-se mais no que você precisa e pode fazer nesse momento.

 

Escreva suas atividades

Escreva todas as suas atividades e preocupações. Criar uma lista com as coisas você precisa fazer irá auxiliar a organizar os pensamentos e sentimentos. E você pode se surpreender: muita gente relata que, ao escrever tudo, acaba percebendo que a sensação de ter centenas de coisas pendentes na verdade se revela exagerada, e as fontes de preocupação eram bem menos numerosas.

Priorize

Após escrever todas as suas atividades, classifique em quais irá trabalhar ou resolver primeiro. Definidas as mais urgentes e comece a agir. Uma coisa de cada vez. Querer fazer tudo ao mesmo tempo aumenta a ansiedade e a preocupação de não conseguir. Negocie prazos se for necessário.

Diminua a cafeína

Na maioria das empresas que já trabalhei uma coisa é quase unânime: os colaboradores amam um “cafezinho”. Existem empresas que o servem nas salas, e seu consumo é grande durante todo o dia. Café é um estimulante natural, além de ser muito gostoso. Contudo, a cafeína em excesso estimula o sistema nervoso, causando uma sobrecarga de adrenalina que faz com que você se sinta mais agitado do que normalmente é.

Exercite-se

Exercícios físicos são recomendados como tratamento para quase tudo. Isto porque realizar atividades físicas funciona para o bem estar pessoal e profissional. Pratique e sinta os resultados.

Faça Psicoterapia

Embora a ansiedade muitas vezes tenha origem genética, ela também pode ser resultado de conflitos internos que precisam ser tratados. Por isso uma boa indicação é a psicoterapia. Ela oferece a oportunidade de você verbalizar seus problemas, conflitos e medos, ajudando a mudar padrões de pensamento.

 

Ivana Anselmo Souza Torres

Possui graduação em Psicologia pela UNISUL. Pós Graduação em Gestão de Pessoas pela FASC. Personal e Profissional Coaching pela Sociedade Brasileira de Coaching. Atualmente trabalha na CliQue RH consultoria na área de gestão de pessoas para diversas empresas da região da AMUREL. Instrutora de treinamento nas áreas de desenvolvimento de lideranças, gestão de pessoas, ética e postura profissional, relacionamento interpessoal, dependência química, vida e carreira entre outros. Colunista do Jornal Diário do Sul na área de Psicologia e desenvolvimento.
Ivana Anselmo Souza Torres

Últimos posts por Ivana Anselmo Souza Torres (exibir todos)